Blog Fique por dentro de tudo o que acontece na Bioseta.

Oxi-sanitização automotiva: o que é e quais seus benefícios?

A oxi-sanitização automotiva, também conhecida como oxi-sanitização veicular ou sanitização por ozônio, é um processo de higienização já utilizado em diversas áreas (indústrias, saúde, alimentos, dentre outras) e que passou a ser aplicado também na área automotiva, sendo utilizado para combater micro-organismos presentes no ar interior e no sistema de ar-condicionado e para a remoção de mau cheiro e odores na área interna de veículos.

O gás ozônio é produzido a partir do oxigênio presente no ar por equipamentos chamados “geradores ozônio”, por ser um gás altamente oxidante, que se espalha pelo ambiente, ele é capaz de reduzir a carga de micro-organismos como vírus, fungos e bactérias e degradar odores de origem orgânica, como cheiro de cigarro, mofo e outros odores desagradáveis do interior dos veículos. Clique no link para saber mais sobre os mecanismos de ação do ozônio.

Redução de micro-organismos

O cenário atual, de preocupação com a saúde das pessoas, demanda novos hábitos de higiene e a adoção de novas tecnologias de sanitização nos ambientes que frequentamos, incluindo os meios de transporte, como veículos e automóveis.
Nesse contexto a oxi-sanitização é um grande aliado, estudos indicam que o ozônio pode reduzir a carga microbiana do ar interior em até 99%, tornado o ambiente mais adequado para utilização.

Redução de odores e cheiro

A oxi-sanitização tem o poder de degradar odores de origem orgânica, como o cheiro causado pelo suor, pela umidade, resíduos de alimentos, cigarros, pets, dentre outros, que podem gerar odores desagradáveis no interior do veículo.

Sustentabilidade

A oxi-sanitização é considerada uma maneira sustentável de realizar a sanitização interna de veículos e automóveis, pois se trata de uma tecnologia limpa, que não gera resíduos e dispensa o uso de produtos químicos, pois após realizar a ação de combate micro-organismos e odores, o ozônio se transforma em oxigênio novamente.

Praticidade

O procedimento, que deve ser realizado somente por pessoas capacitadas para o uso dos equipamentos, é bastante simples, não excede o tempo de 30 minutos e deve ser realizado ao final do processo de higienização tradicional.

O equipamento é instalado no interior do automóvel, com o veículo vazio, vidros fechados e o sistema de ventilação ou ar-condicionado ligado para que, além da movimentação do ar, o ozônio também tenha acesso as partes internas do sistema de ar-condicionado/ventilação. É importante ressaltar que o ozônio não pode ser aplicado com a presença de pessoas no interior dos ambientes.

Conclusão

Com o tempo de exposição correto e a aplicação por um profissional capacitado, o processo de oxi-sanitização se mostra como um grande aliado no combate a micro-organismos e a redução de odores, sem causar riscos à saúde das pessoas e sem danificar bancos, estofamentos e componentes internos dos veículos.

Gostaria de receber um orçamento para sanitização do ar interior por ozônio: clique aqui!

 

 

ver todas as postagens

Seu negócio precisa
de um time de especialistas

Conheça nossas soluções