Blog Fique por dentro de tudo o que acontece na Bioseta.

Superfícies porosas: como é o impacto delas nos ambientes interiores

Superfícies porosas: como é o impacto delas nos ambientes interiores

Segundo a Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia (ASBAI), existem mais de 30 mil espécies de ácaros no Brasil. O principal alérgeno e responsável por 80% das alergias respiratórias é o ácaro domiciliar. Mas você já parou para pensar que esses vilões da saúde podem estar presentes no seu ambiente?

Tapetes e carpetes são soluções ideais para ambientes mais bonitos e harmonizados. Porém, para garantir que não sejam um risco à saúde das pessoas, é essencial que eles sejam higienizados regularmente. Estudos mostram que 1m² de tapete ou carpete contém cerca de 100 mil ácaros vivos.

Por se tratarem de objetos porosos, tapetes e carpetes são capazes de acumular um volume muito grande de poeira fina e leve, além de resíduos de pele e outras sujidades. Com a movimentação nos ambientes, ocorre a dispersão de poeira contaminada de micro-organismos e infestada de ácaros pelo ar que respiramos, o que pode causar infecções pulmonares, conjuntivites, faringite, escabiose e dermatite atópica, dentre outras, além do agravamento de doenças respiratórias crônicas, como a asma.

O processo de sanitização pode auxiliar

A sanitização de objetos porosos é dedicada a tratar esse grande grupo de risco dentro dos ambientes, abrangendo estofados, pufes, carpetes, tapetes, cortinas e colchões, dentre outros.

Já o colchão que utilizamos é o abrigo ideal para aproximadamente 1,5 milhão de ácaros, além de bactérias e fungos, responsáveis por causar doenças como a tuberculose, pneumonia, bronquite, sinusite, dentre outras.

Como é o processo de sanitização de objetos porosos?

A sanitização de objetos porosos pode ocorrer por via úmida, com a presença de água, ou a seco.

Sanitização de objetos porosos a seco: Se dá por extração mecânica e pode ser aplicada em objetos porosos, tais como estofados, colchões, sofás, etc. e é indicada para peças que não podem receber umidade ou necessitam de rápida liberação para utilização. No processo de extração mecânica, é realizada a aspiração forçada aliada à vibração, em que ocorre a remoção de poeira, da matéria orgânica e outras sujidades, trazendo consigo ácaros, fungos e bactérias.

Sanitização de objetos porosos via úmida: Se dá pela extração mecânica aliada à aplicação de produto saneante aprovado pela ANVISA e é indicada para tapetes e carpetes que possam contar com curto período de secagem. Nesse processo também é possível realizar a remoção ou atenuação de manchas em tecidos.

A Bioseta possui diversas opções de serviços que vão lhe auxiliar a ficar longe desses vilões invisíveis, fale com um dos nossos especialistas e saiba mais!

☎ (51) 3396-6161 | 📲 (51) 9 9907-4155

ver todas as postagens

Seu negócio precisa
de um time de especialistas

Conheça nossas soluções